9 segredos para vender mais com envios de email marketing

Tempo de leitura: 9 min

Escrito por Cristian Pessoa - Marketing PRÓ Afiliado

Vender mais e fidelizar clientes com envios de email marketing é o sonho de todos que usam esta mídia, mas é preciso ter algumas coisas em mente para atingir o sucesso desejado. Reunimos aqui alguns segredos que podem ajudar você a criar uma boa campanha de email marketing e melhorar os resultados da sua marca.

Leia até o final e compartilhe nos comentários qual desses segredos do email marketing você considera mais importante para sua comunicação!

Mas antes de continuar, quero te fazer algumas perguntas!!

Você está cansado de tentar fazer uma venda e não conseguir? Ou está cheio de contas para pagar mas não sabe de onde vai conseguir o dinheiro? Ou até está se perguntando como irá comprar a comida da próxima semana?

Então se você quer fazer sua 1° venda, ou até mesmo fazer várias vendas por dia quase no automático, eu trouxe a solução que muitos “especialistas do Marketing” escondem de você!

Essa solução se chama Robô Afiliado!

Veja esse vídeo e clique no botão abaixo para ter a ferramenta que mais vende no Marketing Digital!

Sem brincadeira! Esse Robô me fez sair de zero vendas para faturar mais de 100 mil reais por mês em apenas 8 meses, e o melhor, no piloto automático!!

Tá esperando o que? Não deixe mais uma oportunidade passar direto por você!

Chegou a hora de mudar de vida e conquistar seus sonhos!!

 

1 – Inbound marketing é essencial para aumentar sua lista de emails

Publicações nas redes sociais, podcasts, blog posts, webinars e outros conteúdos contribuem para que sua marca seja localizada por mais clientes em potencial.

As redes sociais, por exemplo, são um terreno fértil para atrair mais consumidores. De acordo com a empresa Statista, as redes sociais contam com aproximadamente 3.78 bilhões de usuários. O mesmo levantamento indica que, em 2025, o número de usuários deve chegar aos 4.41 bilhões.

Produzir conteúdo no seu site é um dos segredos essenciais para atrair mais pessoas até a sua lista de email marketing. Identifique as palavras-chave relevantes para o seu negócio para criar conteúdos que deem maior visibilidade ao seu site no Google. Assim, quando um usuário pesquisar sobre temas relacionados ao seu negócio, ele pode encontrar suas publicações e permanecer em contato com sua marca.

Saiba mais sobre estratégias de SEO.

Avalie quais conteúdos relacionados ao seu segmento podem ser produzidos e, acima de tudo, considere os canais mais utilizados pela sua buyer persona. Com isso, você vai saber em quais mídias sociais publicar com maior frequência e entender qual o melhor tipo de material para atrair os consumidores certos.

2 – Email marketing é uma das mídias com maior retorno sobre o investimento

Com mais de 4 bilhões de usuários, o email segue fazendo parte do dia a dia dos consumidores. No entanto, não é apenas o número de pessoas conectadas que importa quando falamos de email, mas também o fato que trata-se de um dos canais com maior retorno sobre o investimento.

A taxa de abertura dos emails no início de 2021 foi, na média, de 42,45% (Barilliance). Para você ter uma ideia, a média de engajamento por postagem no Instagram, considerando todos os tipos de segmentos, é de 0,89% (Rival IQ).

O email marketing também pode ser integrado com outros canais de marketing que você utiliza, como por exemplo redes sociais, sites, plataformas de CRM e e-commerces. Com isso, é possível conectar informações sobre os consumidores que já acompanham a sua marca – enviando dados da ferramenta de email marketing para os outros canais ou então fazendo o caminho inverso.

Por fim, o principal benefício do email marketing para gerar vendas: conteúdo personalizado. Além de contar com um público que já confirmou interesse em receber suas mensagens, é possível segmentar as ações conforme o interesse de cada usuário. As preferências podem ser solicitadas no momento em que os consumidores preenchem o formulário para entrar na sua lista ou posteriormente, como você vai entender a seguir.

3 – Você não vai começar a vender do dia para a noite

Segredos que podem machucar, principalmente quem está para começar uma comunicação por email marketing. No entanto, como falamos anteriormente, ao criar uma estratégia bem elaborada e conhecer o público que participa das ações, o caminho para o sucesso fica mais curto.

Apesar de não haver uma fórmula mágica do email marketing, algumas coisas não podem faltar na sua comunicação. Uma delas é um bom processo de nutrição de leads, que representa a sequência de ações de marketing realizadas para manter os consumidores engajados com a sua marca, aproximando-os cada vez mais da compra.

A principal característica da nutrição de leads, seja no email ou em qualquer outro canal, é a criação de conteúdo de forma recorrente. Desta forma, estabeleça uma frequência de envios com informações relevantes para os consumidores, sejam elas promoções especiais ou então novidades da marca, eventos etc.

Já falamos que não existe fórmula mágica no email, certo? Pois então, o mesmo vale para a nutrição de leads. Isso quer dizer que, quanto mais informações sobre o consumidor você tiver, mais fácil será definir o conteúdo e a frequência ideal para as comunicações.

4 – Emails podem cair no spam mesmo que os contatos confirmem interesse em recebê-los

Contar com um público interessado no que você pretende promover não significa que 100% das mensagens serão entregues na caixa de entrada deles.

Uma das formas mais eficazes de garantir o engajamento do público com seus envios é criar mensagens segmentadas. Isso porque, ao dividir os consumidores de acordo com cada interesse, você consegue entregar um conteúdo de alta relevância e que estimule a visualização das mensagens.

A segmentação de contatos envolve critérios como a navegação dos usuários no seu site, cliques em peças de email ou então o nível de engajamento de forma geral. É possível criar ações para quem está mais envolvido com os emails, mas também fazer envios para recuperar a atenção daqueles que não abrem suas mensagens há um determinado tempo.

Outra questão que pode fazer com que suas mensagens caiam no Spam é a reputação do seu domínio. Em resumo, a reputação é medida a partir de critérios como número de denúncias de spam, erros nos envios de email e quantidade de mensagens enviadas sem interação do público.

5 – Nunca envie um email sem analisar a responsividade no mobile

Segundo o estudo “The Ultimate mobile email stats”, os dispositivos móveis podem representar de 26 até 78% das visualizações de email, a depender do tipo de público com o qual você se comunica. Por isso, criar uma peça de email que seja exibida da melhor forma em qualquer dispositivo é um diferencial para a sua marca.

Utilize uma ferramenta de email marketing para criar peças responsivas, com a ajuda do editor de email drag and drop. Este tipo de editor facilita a criação de peças de email e não exige conhecimento em HTML, por exemplo.

Com uma ferramenta de email marketing, fica mais fácil criar peças que sejam adequadas para cada dispositivo.

6 – Consumidores que desistem de uma compra podem ser reconquistados

O que você faz quando um usuário acessa seu site, adiciona produtos no carrinho de compras, mas desiste de adquiri-los? Você sabe como identificar este tipo de comportamento?

Se você nunca parou para pensar em como reverter o abandono de carrinho no site, agora é a hora. Estudos mostram que até 75% dos consumidores adicionam itens no carrinho e não concluem a compra. Por isso, elaborar emails específicos para dar aos consumidores uma nova oportunidade de compra é essencial.

Um email de carrinho abandonado pode ser o diferencial para aumentar sua receita. De acordo com um levantamento da Omnisend, aproximadamente 34% dos usuários que clicaram no email de abandono de carrinho finalizaram a compra.

Para criar este tipo de email, o seu site deve estar integrado com a plataforma de email utilizada. Assim, será possível realizar as configurações necessárias e criar envios automatizados sempre que um usuário esquecer um ou mais produtos no carrinho do site. Depois que configurar, basta criar um modelo de envio que será personalizado, de forma automática, com base nos produtos abandonados.

7 – Fidelizar pode ser mais relevante do que atrair novos clientes

Garantir a fidelização de clientes pode trazer diversos benefícios à sua marca. A fidelização é realizada a partir de ações relacionadas tanto ao produto adquirido quanto às possibilidades de oferecer novos itens que sejam relevantes.

Sobre a importância de ouvir feedbacks após a compra: 53% dos consumidores deixam de comprar em uma empresa caso apontem problemas durante o processo da compra e eles não sejam solucionados; por outro lado, 95% permanece como cliente quando as reclamações são solucionadas de forma rápida. Estes são dados da Bain & Company.

Além de conhecer as experiências de cada consumidor com a sua marca, não esqueça de que eles podem se interessar por novos produtos. Por isso, acompanhe o engajamento deles com suas ações de marketing e ofereça itens relacionados aos que ele adquiriu, atualizações de produto e outras informações que o ajudem a ter uma boa experiência com a sua marca!

8 – Enviar emails sem testar antes é dinheiro jogado fora

Qualquer ação de marketing digital demanda não só análise para identificar os consumidores ideais, mas também muitos testes. Com o email, não é diferente.

De acordo com um estudo realizado pela Litmus, o ROI do email marketing é de 42:1. Isso quer dizer que, para cada 1$ investido (considerando que a moeda utilizada no estudo é o dólar), há um retorno de 42$. No entanto, este mesmo estudo mostra que quem realiza teste A/B em suas ações pode ter um retorno sobre o investimento de até 48:1.

O teste A/B consiste na criação de diversas versões de um conteúdo, tendo como objetivo identificar qual o formato ideal para a comunicação com os consumidores. No caso do email marketing, você pode analisar:

• Assunto do email e preheader;
• Remetente do envio;
• Organização da peça (em quais locais inserir imagens e textos);
• Melhor local para incluir um call to action;

9 – Analisar os resultados de cada ação é a chave para o sucesso

No relatório de email marketing, você encontra informações que ajudam a compreender os motivos pelos quais as mensagens estão sendo visualizadas com menor frequência e, com isso, pensar em ações para reduzir os erros.

Número de visualizações da mensagem e quantidade de cliques em links da peça de email são alguns dos dados que podem ser encontrados no relatório. Com estes dados você consegue, por exemplo, mensurar a efetividade do assunto do email para atrair a atenção dos usuários e saber se a estrutura da sua mensagem estimulou o público de tal forma que optaram por buscar mais informações clicando no CTA.

Além de saber a quantidade de vezes que os usuários acessaram algum link, você pode identificar quais locais da sua peça tiveram mais cliques.

Agora que você conhece alguns dos segredos do email marketing, que tal colocar em prática todas as dicas?

E-book Gratuito
Como Criar Seu Negócio Online do Zero! Passo a Passo.

 

Este livro digital já foi baixado por mais de 1 milhão de pessoas. É o ponto de partida de centenas de histórias de sucesso na internet.
 
Nele você aprende em detalhes o que funciona hoje para ter seu negócio online, mesmo que você seja iniciante e não tenha conhecimento nenhum. 
100% livre de spam.

Você Leia também: também:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe um comentário




Seja o primeiro a comentar!

UM ROBÔ QUE FAZ VENDAS PARA VOCÊ ENQUANTO DORME

NÃO SAIA SEM VER ISSO OU VOCÊ VAI PERDER A MAIOR OPORTUNIDADE DA SUA VIDA!!

AGORA VOCÊ PODE ALAVANCAR AS SUAS VENDAS OU COMEÇAR UM NEGÓCIO DO ZERO NA INTERNET

ATRAVÉS DE UM ROBÔ DE VENDAS QUE JÁ ESTÁ PRONTO PARA USAR

MESMO QUE VOCÊ NÃO TENHA UM PRODUTO.