Link Building: O que É, Como Funciona e Como Fazer

Tempo de leitura: 14 min

Escrito por Cristian Pessoa - Marketing PRÓ Afiliado

Um dos fatores que ajuda o Google a reconhecer que um site é uma autoridade é quando uma rede de links está em torno dele, com links direcionando para e a partir dele. Este trabalho em uma estratégia de SEO é chamado de Link Building.

Ficar bem posicionado no Google não é uma tarefa fácil, já que as estratégias de SEO exigem muitas ações planejadas para que o maior buscador do mundo reconheça um site como autoridade em sua área, e o Link Building é uma dessas ações.

Todos os conteúdos rastreados pelos robôs do Google e as páginas que estão vinculadas a essa tarefa dos Google Bots, bem como a indexação desses conteúdos, possuem uma ligação com links, sejam eles internos ou externos.

O Link Building tem a ver com o quanto uma página é relevante na internet e, por esse motivo, ela deve ou não aparecer nas primeiras posições dos resultados do buscador.

Claro, sabemos que várias são as atividades para ranquear um site, como produzir bons conteúdos, definir as melhores palavras-chave, deixar o site mais veloz e as páginas responsivas. Porém, é essencial ter uma estratégia de Link Building para que o SEO alcance o seu nível máximo de resultados.

No entanto, para fazer essa rede de links, você precisa saber o que é Link Building e como essa estratégia ajuda a potencializar seus resultados digitais. Aprenda tudo sobre o assunto neste artigo!

O que é link building?

Uma rede de links que vai direcionar o tráfego para uma página web é chamada de Link Building, pois é um trabalho de SEO que fortalece a relevância de um site para os buscadores da web, especialmente o Google.

Sendo assim, dentre todos os fatores que os mecanismos de busca consideram importantes durante uma pesquisa, uma das essenciais para o SEO é o Link Building, a rede de links internos e/ou externos daquele site.

Porém, sabemos que os links internos são bem mais fáceis de vincular em uma página na internet, já que eles pertencem à sua empresa ou ao site para o qual você faz a campanha de marketing digital. Isso significa que os links internos são feitos entre as páginas do seu próprio site/blog.

Na prática, é você ligar o conteúdo de uma página ou artigo de seu site ao conteúdo de outra página ou artigo, também de seu site, por meio de um link.

No entanto, as estratégias de SEO e Link Building se voltam bastante para os links que outros sites fazem para o seu, que são chamados de links externos – quando uma página web faz referência para o seu blog, por exemplo.

Estes links também possuem outra classificação: inbound links ou backlinks.

Ou seja, os buscadores percebem que uma página que é muito citada por alguns sites – os links externos que apontam para o seu site – possui relevância e um conteúdo de qualidade, pois é autoridade no assunto. Isso é muito bom e ajuda em seu ranqueamento.

CONHEÇA O ROBÔ AFILIADO!!

Robô Afiliado é bom

Como isso acontece?

Um dos trabalhos dos mecanismos de busca é, justamente, fazer a investigação de relevância das páginas na internet por meio do Link Building.

No fundo, uma página com uma boa estratégia de Link Building mostra não apenas que ela é referência e relevante no assunto, mas também muito popular e de certa maneira bastante confiável.

Os links internos também são importantes para ranquear a página, seja para direcionar à uma página ou artigo do próprio site como também para fazer referência a um site que não pertence a você.

Vários fatores são importantes nesta rede de links, como a posição da página, conteúdo e verificação do texto âncora, detalhes que fazem diferença para o algoritmo de busca.

Por isso, a sua estratégia de SEO sempre deve estar voltada para dois focos: o usuário-final e o robô dos buscadores.

Link Building e SEO Off Page são a mesma coisa?

Embora muita gente confunda essas duas estratégias de marketing digital, é preciso deixar claro que o SEO Off Page abrange qualquer tentativa de ranqueamento que é feita fora da página.

Por isso, o SEO Off Page é maior do que o Link Building, que é a criação de uma rede de links vinculada a uma página web.

Por exemplo: quando uma marca é mencionada na internet, mesmo não havendo link, trata-se de SEO Off Page. No entanto, isso não é Link Building.

No Link Building, tanto o SEO Off Page, por meio de links externos, quanto o SEO On Page, com os links internos, são importantes.

Logo, é possível dizer que os links incluídos na sua página são realmente muito importantes para o seu posicionamento.

Por que os links importam para os mecanismos de busca?

A estratégia de Link Building está vinculada ao conceito de “teia”, onde várias páginas se interligam, algo bem comum e próprio do ambiente online.

Para interligar é necessário haver links, que conectam os usuários por meio de conteúdos relevantes e materiais ricos, como arquivos, vídeos, imagens, sites e páginas.

No fundo, os sites da internet são classificados e rastreados por essa rede de links, criada por uma ação de Link Building.

Atualmente, como existem muitos sites na internet e o número de usuários não para de crescer, os resultados de buscas precisam ser aprimorados com mais indicadores de relevância e uma boa estratégia de Link Building é interessante pelas interligações que existem na web.

O algoritmo do Google, chamado de PageRank, é atualizado de tempos em tempos para que possa buscar e determinar, com maior eficiência, a relevância dos sites na internet. Ele é modificado para ranquear uma página em meio a todo um universo de conteúdo disponível no ambiente online e é aí que entra o link building. É importante ter um bom número de links de qualidade apontando para o seu site.

Na prática, isso significa popularidade, relevância e é interessante para os usuários. É importante que você saiba que não basta ter um número imenso de links na estratégia de Link Building, pois um próprio site pode criar essa rede para fazer referência a ele mesmo.

Por isso, para os backlinks, também são importantes a qualidade das páginas que apontam links para seu site e a diversidade delas: elas precisam ser diferentes!

Neste caso, o nível de autoridade na internet consegue ser definido pelos buscadores com mais precisão.

Claro que você vai perceber que outros fatores também são fundamentais na estratégia, como a posição dos backlinks, os textos âncoras e se os sites são realmente confiáveis.

Também é preciso estar atento às práticas de ranqueamento mal vistas pelo buscador, chamadas de Black Hat. Estas, são práticas maliciosas que podem levar o buscador a punir o seu site nos resultados das buscas.

Como os links são avaliados pelo Google?

Para o Google, no que se refere ao Link Building, é importante a quantidade e a diversidade de links, mas também o contexto de cada link, o texto âncora e a confiabilidade das páginas que estão fazendo essa linkagem.

Quantidade e diversidade de links

O número de links em uma página serve para valorar o quanto essa página é popular na internet.

Até hoje, este é um fator importante para o PageRank, mas como ele foi refinado, não basta ter muitos links apenas, é fundamental ter outros critérios vinculados a essa estratégia.

Um dos critérios considerados para ranqueamento é a diversidade de links, o que significa que diversos domínios estão vinculando uma página, mostrando que ela é popular porque fala com diferentes perfis.

Texto âncora e contexto da estratégia de Link Building

Na estratégia de Link Building, temos uma parte muito importante que é a palavra-chave contida no texto do link em que se pode clicar. Este é o texto âncora, que logo ao ser lido pelo usuário, já apresenta alguma informação a respeito do conteúdo que está na página de destino.

Por este motivo o texto âncora é tão essencial em uma estratégia de Link Building com foco em SEO para o Google e outros buscadores. Dessa forma, para acertar neste quesito, é indicado usar a palavra-chave de um material que realmente está exposto na página de destino, sem tentar “enganar” o algoritmo nem o usuário.

O contexto do link é uma das avaliações que o Google faz para saber se as palavras que estão aparecendo ao redor do link fazem sentido e são interessantes para quem está buscando.

Essas palavras são chamadas de co-ocorrências e precisam estar contextualizadas.

Aqui, também é importante que links de qualidade estejam vinculados ao mesmo contexto, já que o buscador entende isso como um fator de relevância no link juice.

Os links, quando estão colocados na parte superior do texto, logo no começo, também fazem muita diferença nas buscas, pois, para o Google, houve uma intenção maior de exposição do conteúdo por meio do Link Building. O valor de SEO tende a diminuir se o link estiver no rodapé da página, por exemplo.

O ranqueamento com o uso de Link Building também pode mudar conforme a confiabilidade de uma página.

Agora, como você vai saber se a sua página é ou não confiável aos olhos do Google? Para isso, sua rede de links precisa estar conectada com páginas de confiança, que também sejam autoridades no assunto. É um trabalho longo, mas que vale muito a pena.

Dicas importantes

Por exemplo: uma clínica médica pode fazer o Link Building com a Sociedade Brasileira que está vinculada à sua especialidade médica. Isso traria muita relevância e confiabilidade.

Outra dica para melhorar o ranqueamento com Link Building é eleger alguns posts do seu blog que são considerados como “conteúdos especiais” na hierarquia e fazer links internos para eles em vários posts.

Também é importante colocar os links como dofollows, que são os links que devem ser relacionados, ao contrário dos nofollows, que são aqueles que possuem uma informação para que o buscador não “os siga”.

Link Building: técnicas para colocar a estratégia em prática

O Link Building está totalmente conectado com o marketing digital, o que significa que o seu site ou sua página precisa ser interessante para as pessoas que o encontrarem. Conteúdos relevantes, criados para marketing digital, geram maior engajamento, compartilhamento, visitas e ativos linkáveis.

Dessa maneira, você vai ter resultados com os visitantes que receber, além de fazer com que eles compartilhem os conteúdos — e, assim, gerem mais links para o seu site.

Lembre-se de que o Link Building é, no fundo, uma grande rede de compartilhamento de links, e você só terá seu material distribuído ou referenciado se ele for diferenciado.

Por isso, você pode melhorar sua estratégia com alguns diferenciais, como questionários, listas, guias completos, pesquisas profundas, calculadoras, infográficos, quizz e outros conteúdos interativos.

Parceiros de Link Building

Para os seus backlinks terem sucesso, você terá que contar com parceiros para Link Building, já que são outras pessoas que vão direcionar um link para uma página que está no seu domínio.

Para isso acontecer, você terá que investir em relacionamento, normalmente com sites que são referência na internet e que estão ligados à sua área de atuação.

Autoridade é a palavra-chave aqui, e você pode descobrir quais são elas pelas ferramentas Page Authority e Domain Authority, que são indicadores de um link explorer chamado Moz.

Ao usar um destes indicadores, você verá a pontuação das páginas mais bem ranqueadas no Google, já que essa ferramenta simula o algoritmo do buscador. Com isso, dá para descobrir de qual site é interessante receber backlinks.

O Link Explorer ainda pode ser uma extensão do Firefox ou do Chrome.

Após descobrir os sites para compartilhar backlinks, sua aproximação deve ser no sentido de criar uma parceria, e não de usar do sucesso que o outro já conquistou.

Agora que você já tem seus parceiros de Link Building definidos, as técnicas mais interessantes para colocar a estratégia em prática são por meio do co-marketing e do guest posting.

Guest Posting

Neste caso, você será convidado de um blog de um parceiro e participará do canal dele com um conteúdo relevante e, como contrapartida, poderá deixar seus links.

Você poderá usar a autoridade do site do parceiro, vai conseguir atrair visitantes para o seu e ainda favorece a experiência do usuário, uma vez que só a troca de links parece muito limitada quando o foco está no cliente-final. O visitante do blog tem que gostar do conteúdo, só assim a estratégia funciona.

Co-marketing

Neste caso, a sua empresa e mais uma que atuam no mesmo ramo e possuem os mesmos interesses em marketing digital criam materiais de qualidade em conjunto.

Assim, o Link Building é construído nas duas páginas e o produto digital ou conteúdo (pode ser uma calculadora ou um quizz) é usado na linkagem.

Assessoria de imprensa pode ajudar no Link Building, pois você só terá acesso a grandes portais da Web se houver uma tratativa profissional para este trabalho.

As menções são excelentes técnicas para fazer a estratégia de Link Building ganhar força, já que o Google percebe quando uma marca está nos “trends”, porque está sendo muito comentada.

De qualquer forma, é preciso fazer a linkagem, logo as menções com link são as mais indicadas. Veja onde seu site já foi mencionado, fale com o administrador e peça para incluir o link, se for possível. Na prática, é assim que funciona.

Como descobrir onde seu site foi mencionado?

O Google Alertas pode ajudar você nesta tarefa, já que uma notificação será gerada sempre que houver alguma menção à sua empresa.

Contar com topic clusters para links internos para criar uma hierarquia nas páginas do blog ou do site, com o uso dos links internos (citamos isso para você brevemente no começo da nossa conversa), também funciona no Link Building.

Para colocar em prática, você vai fazer um post essencial baseado na sua principal palavra-chave, que corresponde ao seu produto ou serviço. Então, todos os outros posts terão links que vão fazer o direcionamento para este conteúdo, considerado especial, que na sua estratégia corresponde ao seu pilar.

Dar uma atenção especial aos links quebrados também será uma das suas preocupações na estratégia de Link Building, uma vez que atualizações ou exclusões de páginas podem levar o usuário a clicar em um link que não direciona a lugar nenhum, ou dá direto no Erro 404.

Quando isso acontece, você fica sem o link juice, importante na sua campanha de Link Building e marketing digital.

Para corrigir este problema, você pode usar a Screaming Frog, uma ferramenta que auxilia a mapear os seus links quebrados, para que eles sejam redirecionados com as devidas URLs com o Redirect 301.

Como isso só é feito com uma alteração nos códigos, contar com um desenvolvedor pode ser essencial nesta tarefa. Já se você usa o WordPress, o SEO Redirect é um plugin que existe com essa finalidade.

Dica importante: fuja de sites duvidosos, spam e backlinks que estão vinculados a domínios não confiáveis. Essa rejeição de backlinks pode ser feita pelo Google Search Console, que é uma ferramenta gratuita que você pode aproveitar também.

Normalmente, a estratégia com Link Building leva tempo mesmo e tentar cortar o caminho por meio de um atalho pode só atrapalhar.

Ferramentas úteis para o link building

O seu trabalho com Link Building vai depender de ferramentas, muitas das quais já citamos aqui e explicamos por cima para o que elas servem no seu dia a dia de trabalho com marketing digital. Veja:

Google Search Console Acabamos de falar desta ferramenta e ela está aqui novamente. Pode ser usada gratuitamente para que você veja qual é a interação do Google com o seu site, e vice-versa.

Além de ver se existem alguns backlinks rejeitados, você pode saber se o seu site está penalizado por algum motivo.

MajesticEmbora seja paga, é muito completa para o trabalho com Link Building, mas você pode usar a versão gratuita de teste antes de fechar. Com ela, você saberá as citações que o seu site recebeu em parceiros, verificar links nofollow, contexto de backlinks e os textos âncoras. Para isso, basta visualizar os indicadores, como Citation Flow e Trust Flow.

AhrefsUsada para backlinks em estratégias off page, é uma ferramenta bem completa para verificar como os concorrentes estão traçando as estratégias de Link Building. Usando o pesquisador de palavras-chave, é possível identificar bons parceiros para compartilhar links.

Se um site perder ou ganhar links, você vai receber um alerta. Porém, a ferramenta é mais recomendada para que você consiga monitorar como os concorrentes estão atuando com backlinks.

Moz e seu Link Explorer As estratégias de backlinks podem ser potencializadas ou estruturadas com o suporte da Moz e da sua ferramenta chamada de Link Explorer.

Funciona assim: você identifica o site que precisa de uma análise de links e a ferramenta elabora um relatório completo, com oportunidades de Link Building, textos-âncoras, links quebrados e outras informações para você implementar backlinks.

A ferramenta também informa sobre a autoridade das páginas da web, um dos critérios importantes para o Link Building (falamos sobre isso anteriormente).

Screaming FrogÉ uma ferramenta ótima para SEO off page e SEO on page, principalmente para avaliar se um site possui uma boa estratégia de backlinks, se possui muitos links quebrados, se algumas páginas precisam ser redirecionadas, entre outros casos.

Usando a ferramenta, você poderá corrigir problemas e redirecionar seus esforços para encontrar melhores parceiros para construir uma boa estratégia de backlinks.

Gostou do conteúdo? Então, comece agora mesmo a sua estratégia de links internos e externos para conquistar mais resultados com SEO.

EBOOK GUIA DEFINITIVO DO MARKETING DIGITAL PARA AFILIADOS DO ZERO AO AVANÇADO(GRATUITO)

CLIQUE AQUI PARA BAIXAR!

E-book Gratuito
Como Criar Seu Negócio Online do Zero! Passo a Passo.

 

Este livro digital já foi baixado por mais de 1 milhão de pessoas. É o ponto de partida de centenas de histórias de sucesso na internet.
 
Nele você aprende em detalhes o que funciona hoje para ter seu negócio online, mesmo que você seja iniciante e não tenha conhecimento nenhum. 
100% livre de spam.

Você Leia também: também:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe um comentário




Seja o primeiro a comentar!

UM ROBÔ QUE FAZ VENDAS PARA VOCÊ ENQUANTO DORME

NÃO SAIA SEM VER ISSO OU VOCÊ VAI PERDER A MAIOR OPORTUNIDADE DA SUA VIDA!!

AGORA VOCÊ PODE ALAVANCAR AS SUAS VENDAS OU COMEÇAR UM NEGÓCIO DO ZERO NA INTERNET

ATRAVÉS DE UM ROBÔ DE VENDAS QUE JÁ ESTÁ PRONTO PARA USAR

MESMO QUE VOCÊ NÃO TENHA UM PRODUTO.